Grupo é preso após publicar homicídio no Whatsapp

6 de jan de 2015
A Polícia Militar da Bahia prendeu nove integrantes de uma facção criminosa na madrugada desta segunda-feira, em Portão, na cidade de Lauro de Freitas. O grupo foi preso após ter publicado um vídeo no Whatsapp que mostrava a execução de um jovem. No vídeo, publicado em novembro do ano passado, um jovem - que supostamente fazia parte de uma outra facção - foi espancado até a morte. Após a publicação do vídeo, a 52ª Companhia independente de Polícia Militar, montou uma operação de investigação que contou com o apoio da 81ª CIPM, do BPChoque, da CIPE/Polo e do GRAER. Lambtcho (chefe da quadrilha), Borel, Pê, Cinquentacente, Bam, Caio, Genilson, Deivson e José participavam da facção Caveira e foram presos nesta madrugada. Além disso, foram apreendidas uma carabina, uma espingarda calibre 20, um revolver calibre 38, vasta munição de calibres variados, maconha, cocaína e crack. (Tribuna)

0 comentários:

Postar um comentário

Agradecemos imensamente seu comentário, pedimos que tenham cuidado com ofensas e críticas aleatórias, desde já agradecemos.

 
Início | Musa do Diário | Horário dos Ônibus | Contato
Copyright © Diário do Entroncamento
Design by Diario Publicidades | Tecnologia do Blogger *IMAGEM DO SMARTPHONE ILUSTRATIVA, MODELO E MARCA A DEFINIR.
    Facebook Google + YouTube