Alunos de Itiruçu Fazem Protesto em Frente a Prefeitura

3 de abr de 2014
Alunos do ensino médio da rede estadual de ensino do Colégio Antonio Francisco de Souza (CMAFS) em Itiruçu, protestaram na manhã desta quarta-feira (02), contra o remanejamento da turma, ao Colégio Estadual Maria Cândida de Castilho Fontoura, uma vez que o CMAFS que é do município e estava cedido ha anos ao estado voltou as mãos do municípios. A decisão se deu após o estado baiano decretar que a partir deste ano não iria mais ofertar aulas para alunos do ensino fundamental do 6º ao 9º ano. Só ficando assim com aulas para do 1º ao 3º ano do ensino médio. O município de Itiruçu tendo em vista a necessidade de expandir o ensino fundamental, tomou a decisão de aproveitar o espaço do CMAFS agora devolvido ao município para ali impulsar o ensino fundamental para alunos que outrora estavam no Colégio Municipal Cid Alves e no próprio Maria Cândida que agora só contará com alunos do 1º, 2º e 3º ano do ensino médio.
Os alunos protestam contra a infraestrutura da Escola Maria Cândida e alegando que a instituição não oferece condições de espaço para acolher os cerca de 350 alunos do CEMAFS. Eles dirigiram o protesto e culpavam o município pela não estadualização do Colégio Antonio Francisco de Souza.
O professor César que estavam com os alunos, disse que o Maria Cândida foi construído no início dos anos 80 em uma Unidade H, que era para o primeiro ano menor, de 1º a 4º série, depois conseguiram transformar de 5º a 8º série.  Hoje querem transformar em segundo Grau em salas que não cabem nem 30 alunos.  É isso que nós estamos protestando, pois com a área que nós temos com 45 alunos em cada sala em 70% da aula coberta e vamos para uma área que nem cobertura tem.  
Em resposta a direção da Escola Maria Cândida afirmou que reuniu-se com os pais e responsáveis dos alunos para explicar a municipalização do Antonio Francisco, e que já foi publicada no diário oficial a transferência dos alunos da referida escola para o Maria Cândida, mediante a ação da Secretária de Educação do Estado da Bahia.  A Escola afirma que a estrutura existente comporta sim todo o aluno do ensino médio.
A Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Itiruçu, manteve contato com os estudantes e professores, convidando os lideres do protesto  a conversar com o secretário de administração, Diógenes Serra, que em reunião mostrou-se solidário com a situação e concordou sobre uma reunião com a DIREC13 e com o prefeito Wagner Novaes discutir o impasse.
Lembrando ainda que durante todo momento não houve exaltação dos ânimos e sim tudo ocorreu de forma pacifica. A Policia Militar se fez presente, não para intimidar, más sim para salvaguardar os envolvidos e contornar o trânsito afim de evitar acidentes.
Fonte: Blog Ed Santos

0 comentários:

Postar um comentário

Agradecemos imensamente seu comentário, pedimos que tenham cuidado com ofensas e críticas aleatórias, desde já agradecemos.

 
Início | Musa do Diário | Horário dos Ônibus | Contato
Copyright © Diário do Entroncamento
Design by Diario Publicidades | Tecnologia do Blogger *IMAGEM DO SMARTPHONE ILUSTRATIVA, MODELO E MARCA A DEFINIR.
    Facebook Google + YouTube